Armas, motosserras e redes de pesca ilegal foram apreendidos no Refúgio de Vida Silvestre Amazônia, em Marituba, região metropolitana de Belém. Homens que estavam trabalhando ilegalmente na área foram presos na operação “Ômega” deflagrada por equipes do Batalhão de Polícia Ambiental (BPA). As informações são deste sábado (17).

A operação foi deflagrada pelo BPA após a unidade receber um relatório do Instituto de Desenvolvimento Florestal e da Biodiversidade do Estado do Pará (Iderflorbio), com dados referentes ao desmatamento e extração ilegal de madeira na área.

Mais de dez policiais foram até o Refúgio e encontraram vários acampamentos com seis motosserras; quatro armas de fogo tipo ‘bofete’; uma espingarda calibre 32; gerador de energia; 60 metros de rede tipo malha e três pássaros.

Os homens que estavam sem autorização no local disseram para os militares que trabalhavam para um homem que dizia ser o proprietário da área. Todos foram conduzidos para a Divisão Especializada em Meio Ambiente (Dema-PA), que irá realizar os procedimentos cabíveis.

A polícia Judiciária instaurou um inquérito para apuração das infrações penais e responsabilização, administrativa e criminal, dos responsáveis.

 

 

Fonte: G1PA
Foto: Ascom/PC